Em conformidade com as disposições da Lei Estatutária 1581 de 2012 e do Decreto Regulamentar 1377 de 2013, a Panda Exchange adota esta política para o processamento de dados pessoais, que será divulgada a todos os usuários dos dados recolhidos ou no futuro sejam obtidos no exercício de atividades comerciais, laborais ou de outra natureza.

Portanto, a Panda Exchange afirma que é garante dos direitos de privacidade, intimidade, bom nome, no processamento de dados pessoais e consequentemente, todas suas ações serão regidas pelos princípios de legalidade, propósito, liberdade, verdade ou qualidade, transparência, acesso e circulação restrita, segurança e confidencialidade.

Todas as pessoas que no desenvolvimento de diferentes atividades sejam permanentes ou ocasionais passarão a fornecer para Panda Exchange qualquer tipo de informação ou dados pessoais, poderão conhecê-la, actualizá-la e rectificá-la.

Política SARLAFT para a administração do risco de lavagem de ativos e o financiamento do terrorismo

A PANDA EXCHANGE (doravante denominada PANDA) tem estabelecido como política para a administração do risco de Lavagem de Ativos e Financiamento do Terrorismo uma série de medidas e procedimentos para prevenir que seja utilizada, direta ou indiretamente, para a realização de atividades ilegais.

Esta política é desenvolvida através do Manual SARLAFT (Sistema de Administração do Risco de Lavagem de Ativos e Financiamento do Terrorismo), que estabelece que a PANDA deve identificar e validar a identidade dos usuários e outras contrapartes, conhecer o beneficiário final e fazer um monitoramento transacional de criptomoedas, a fim de identificar operações ou atividades que vão além do comportamento normal. A “Devida Diligência” é o elemento fundamental para o desenvolvimento da política e procedimentos estabelecidos para proteger os interesses, negócios, contratos e operações da PANDA com os usuários.

A PANDA tem estabelecido protocolos para conhecer os usuários e contrapartes, por meio de obtenção, verificação e registro de informações atualizadas.

A PANDA não fará exceções ao lidar com Pessoas Expostas Publicamente (PEP) e Pessoas Expostas Políticamente (PEP), que terão uma devida diligência mais completa. Da mesma forma, a PANDA investigará a origem dos fundos com os quais as criptomoedas são negociadas, como parte integral do gerenciamento de risco de AML /FT.

Finalmente, a PANDA tem designado um Funcionário de Cumprimento, que terá todo o apoio logístico, financeiro e tecnológico para cumprir esta política e afiançará a operação eficaz, eficiente e oportuna do SARLAFT.

-Panda Exchange-